top of page
Vista aérea do rio

Blog

SRH realiza reunião de gestão do Programa Água Doce em Russas



Fortalecendo a parceria entre o Estado, o Município e as comunidades, a Secretaria dos Recursos Hídricos (SRH) vem realizando reuniões para firmar a gestão compartilhada dos dessalinizadores do Programa Água Doce (PAD).


Nesta terça-feira (31), técnicas do PAD visitaram o Assentamento Mundo Novo, na zona rural de Russas, para manter a parceria com a prefeitura e com a comunidade na sustentabilidade do sistema implantado. A reunião contou com a presença do coordenador do Departamento de Assistência Social Comunitária da Prefeitura, José Vandeberg, e da assistente social Terssia Gurguel.


Segundo a presidente da Associação dos Moradores do Mundo Novo, Aldeniza Santos, o sistema abastece não só a sede da comunidade como também localidades vizinhas. “Os moradores da Lagoa Grande, comunidade vizinha, também bebem água do nosso sistema dessalinizador. Aqui, todas as famílias se abastecem dessa água que é de qualidade e potável, não sei como seria as nossas vidas sem esse programa pois as famílias não teriam condições de comprar os garrafões de água na cidade”, comemora a presidente.



Além das famílias do assentamento e das comunidades vizinhas, o dessalinizador garante água gratuita para as escolas e posto de saúde.


O trabalho de gestão compartilhada para preservar a sustentabilidade do dessalinizador ajuda mais de 88 famílias da zona rural do município, com oferta de água de qualidade. “Aqui em Russas, a prefeitura contribui com a energia e com o operador, a comunidade garante a preservação do dessalinizador e o cuidado com a água e o Estado realiza as manutenções do sistema e colabora com o monitoramento sócio-ambiental do sistema de dessalinização. Toda essa parceria tem sido uma receita para o sucesso do PAD. Quando mais se tem uma gestão compartilhada, mais famílias são beneficiadas com água de qualidade própria para o consumo”, explica a assistente social e técnica do PAD na SRH, Rosana Frota.


Acompanhar o crescimento da comunidade ao redor do sistema de dessalinização é uma das maiores realizações da geóloga e técnica do PAD, Liduina Carvalho. “Quando iniciamos o trabalho com a comunidade, em 2009, tudo era diferente, tínhamos dificuldade de comunicação, com os poços e com a dessalinização da água. Em 2013, foi instalado o sistema dessalinizador do PAD. A gestão da comunidade trabalha sempre com muito empenho, compromisso e responsabilidade com o Programa. Hoje, o Mundo Novo é um dos sistemas modelos do Água Doce e tenho muito orgulho de fazer parte disso”.


A gestão do dessalinizador do Mundo Novo é realizada através de um Sistema Gestor na comunidade, que distribui fichas por R$ 1,00 para 20 litros de água. O valor, escolhido pela comunidade, é acessível mas suficiente para ajudar a Associação na organização dos custos e nos reparos diários.


Fonte: SRH Ceará

8 visualizações

Comments