top of page
Vista aérea do rio

Blog

Floresta (PE) vai sediar a 10ª edição da campanha Eu Viro Carranca Para Defender o Velho Chico

Floresta (PE) vai sediar a 10ª edição da campanha Eu Viro Carranca Para Defender o Velho Chico na região do submédio



A Câmara Consultiva Regional do Submédio São Francisco realizou, na tarde desta quarta-feira (04), reunião extraordinária para definir a cidade que sediará a edição deste ano da campanha Eu Viro Carranca Para Defender o Velho Chico.


Este ano a campanha entra na sua 10ª edição, comemorando uma década de sua realização nas quatro regiões fisiográficas da bacia do São Francisco. Com o foco em ampliar a conscientização e, principalmente, propor o engajamento da população através de um chamado à sociedade para atuar ativamente em ações de proteção do rio da integração, a campanha, realizada no dia 03 de junho, Dia Nacional de Defesa do Rio São Francisco, acontece em quatro cidades sede das regiões do Alto, Médio, Submédio e Baixo São Francisco.


Durante a reunião, os membros da Câmara Consultiva apresentaram as cidades de Sobradinho, Juazeiro – BA, Lagoa Grande, Petrolina e Floresta – PE, com suas propostas. A ideia é que a cidade escolhida receba atividades de educação ambiental, palestras, oficinas, entre outras. “Promover um evento como este não é fácil, porque precisamos contar com o apoio da cidade escolhida para receber toda a estrutura já pronta da campanha, além da gestão da cidade pensar e reunir dentro deste cronograma atividades diversas que incluem a programação da campanha”, explicou o coordenador da Câmara Consultiva Regional do Submédio São Francisco, Cláudio Ademar.



Após a apresentação das cidades interessadas, que expuseram suas atividades já realizadas em prol do rio, além da sua importância histórica, patrimonial e cultural, a cidade escolhida pela maioria dos membros foi Floresta – PE. Com 176 anos de emancipação política, o município fica a 433 km da capital pernambucana, Recife. Ponto de partida do Eixo Leste da transposição do Rio São Francisco, a cidade com mais de 31 mil habitantes está inserida na bacia do Rio Pajeú, afluente do Velho Chico, e faz limite com as cidades Serra Talhada, Betânia e Custódia, Mirandiba, Inajá, Tacaratu, Petrolândia e Rodelas, Ibimirim, Carnaubeira da Penha, Belém do São Francisco e Itacuruba.

“Estamos muito gratos com a escolha da nossa cidade que tem uma pauta muito forte em relação à questão ambiental, instruindo novas gerações a contribuir com o futuro. Fico feliz e reforço que somos todos carranca”, agradeceu a vice-prefeita de Floresta, Bia Numeriano.

Assessoria de Comunicação do CBHSF: TantoExpresso Comunicação e Mobilização Social *Texto: Juciana Cavalcante *Foto: Juciana Cavalcante


Fonte: CBHSF

13 visualizações